Goyta aposta em time "cascudo" na seletiva
Paulo Renato do Porto 08/11/2018 19:43 - Atualizado em 08/11/2018 19:49
Com a contratação do meia-atacante Edinho, de 35 anos, e do zagueiro Adalberto, de 32, o Goytacaz aposta num elenco “cascudo” para a disputa da Seletiva da Série A, adicionando mais experiência num elenco que já conta com o goleiro Adilson, 32 anos. A competição começa no dia 23 de dezembro, contra o Nova Iguaçu, fora de casa.
A experiência contará com juventude de remanescentes da equipe que disputou a temporada deste ano, além de oito garotos das divisões de base que subirão este ano e poderão ser aproveitados pelo técnico Athirson.
Edinho, capixaba que começou a carreira em seu Estado, na Desportiva, rodou o Brasil e o Mundo. Natural de Cariacica, na Grande Vitória, Éder Luciano, de 35 anos, jogou também no Santo André (SP), Vitória (ES), Macaé e Veranópolis (RS), além de times da Coreia do Sul, Bulgária, Irã, Catar, Portugal e Emirados Árabes Unidos.
A passagem do atacante pelo Irã deixou marcas. Edinho chegou a ser apontado melhor jogador do Campeonato Iraniano, a ponto de ter se naturalizado, diante da possibilidade de disputar uma Copa do Mundo por aquele país.
Edinho deve se apresentar nesta segunda-feira, na rua do Gás.
Adalberto, outro jogador “rodado”, chega para reforçar a defesa alvianil. Aos 32 anos, ele marca sua segunda passagem no futebol campista, onde atuou pelo Americano, justamente em 2012, quando da queda do Alvinegro para a Série B1.
O zagueiro defendeu também outros clubes tradicionais do Brasil, como Ipatinga (MG), Tupi (MG), Criciúma (SC), Linense (SP), CRB (AL) e Botafogo (PB).
Do América (MG) chegou Michel, o primeiro de outros reforços que virão da equipe mineira, indicados pelo gerente de futebol Flávio Lopes. Do futebol gaúcho chegou Ian.
Nesta quinta-feira, Athirson comandou um treino onde a equipe principal formou com Adilson; Tenente, Cleiton, Marlon (Adalberto) e Almir; João Vítor, Jefinho e Gabriel Galhardo; Luquinha, Ricardinho e Douglas.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS